Notícia esportiva em primeiro lugar!

Brasil está na semifinal da etapa de Maringá do Circuito Sul-Americano

 
Dupla campeã brasileira busca vaga na final contra os argentinos Azaad e Capogrosso neste domingo
O Brasil segue invicto e já está na semifinal da etapa de Maringá (PR) do Circuito Sul-Americano de vôlei de praia 2017. Álvaro Filho e Saymon venceram neste sábado (06.05) os venezuelanos Charles e Golindano por 2 sets a 0 (21/18, 21/18), pela fase de grupos, avançando para a disputa da semifinal. Os jogos ocorrem na Vila Olímpica, com entrada franca à torcida.

Neste domingo (07.05) eles encaram os argentinos Azaad e Capogrosso em busca de um lugar na final, que acontece no mesmo dia. Campeão brasileiro ao lado de Alvinho, Saymon fez uma análise das primeiras vitórias.

“Estamos seguindo bem o que nossa comissão técnica passa e tentando jogar com alegria. Representar o Brasil é sempre um grande orgulho e uma grande responsabilidade. Vamos manter a mesma concentração em busca de uma vitória amanhã”, destacou.

A dupla brasileira passou em primeiro lugar na chave, enquanto os argentinos tiveram uma derrota na fase de grupos e disputaram uma rodada a mais. Na outra semifinal, os primos chilenos Marco e Esteban Grimalt duelam contra os uruguaios Vieyto e Cairus. A etapa define também os campeões gerais da temporada, somando pontos de todas as paradas.

O Brasil lidera o ranking geral com 700 pontos somados nas quatro etapas disputadas. O Chile aparece em segundo lugar, com 660 pontos, e a Argentina segue na terceira posição, com 600. O ranking do Circuito Sul-Americano é feito apenas para os países, contando a pontuação da dupla mais bem colocada das nações em cada parada.

Em quatro etapas, o Brasil subiu ao pódio em oito oportunidades, com quatro medalhas de ouro, duas de prata e duas de bronze. Cada dupla pode disputar no máximo duas etapas, garantindo que mais times tenham oportunidade de somar pontos e adquirir experiência.

Os critérios usados pela CBV na convocação são a posição do ranking de entradas do Circuito Brasileiro (a dupla inscrita com melhor colocação) e uma dupla Sub-23 escolhida por critérios técnicos pela entidade, visando dar oportunidade e experiência para jovens atletas. Na etapa ‘Finals’ de Maringá, porém, apenas uma dupla de cada país pode ser inscrita.

O

Deixe um comentário