Notícia esportiva em primeiro lugar!

Campeão da Copa Pan-Americana em 2015, paraibano Thiaguinho quer o bi

O paraibano Thiaguinho foi o levantador titular na conquista do título da Copa Pan-Americana masculina de vôlei, em 2015, nos Estados Unidos. Naquela ocasião, o Brasil foi representado pela seleção sub-23 e, na final, superou a Argentina, de virada, por 3 sets a 1. Convocado pelo técnico Giovane Gávio para disputar a competição mais uma vez, Thiaguinho quer buscar o bicampeonato e, consequentemente, garantir a vaga para os Jogos Pan-Americanos 2019, que acontecerão em Lima, no Peru. Os 15 jogadores chamados por Giovane, se apresentaram na manhã desta segunda-feira (16/7), no Centro de Desenvolvimento do Voleibol, em Saquarema (RJ).

 A Copa Pan-Americana será realizada de 12 a 20 de agosto, em Veracruz, no México. O Brasil tem três títulos na história (2011, 2013 e 2015). Thiaguinho está treinando em Saquarema após ser convocado pelo técnico Renan Dal Zotto para a Liga das Nações, em abril. O levantador chegou a participar de dois amistosos contra a China, em maio. Depois disso, permaneceu em treinamento para a Copa Pan-Americana. Agora será comandado por Giovane, com quem já trabalha na equipe do Sesc RJ, terceira colocada na última Superliga.

 “Já conheço bem como o Giovane trabalha, como ele gosta que o levantador jogue, então isso facilita na hora da formar um time novo e com certeza ajuda”, afirmou. “Estar com a seleção principal aprendendo e vivendo o dia a dia deles é muito importante. A questão do merecimento, de que o resultado só vem com o sacrifício diário, é muito evidente nos treinamentos com eles, e eu pretendo passar esse sentimento pro grupo do Pan”, ressaltou Thiaguinho.

 Do grupo convocado para a Copa Pan-Americana, Thiaguinho já teve a oportunidade de jogar junto. “Fiz toda a minha base com o Alan e o Flávio na seleção. Fui campeão mundial sub-23 com o Otávio e o Leozinho também”.

O Brasil ainda não conhece os adversários na competição que classificará os cinco primeiros colocados para o Pan-Americano de Lima, mas Thiaguinho falou sobre as seleções que poderão dar mais trabalho. “As seleções da Argentina, Canadá, Estados Unidos e Cuba sempre vêm com times fortes. Temos de ter cuidado. Sabemos que temos condições de brigar pelo título e vamos fazer o máximo para isso”, concluiu o levantador que completará 25 anos durante a Copa Pan-Americana, no dia 15 de agosto.

Deixe um comentário