Notícia esportiva em primeiro lugar!

Campinense registra chapas para novas eleições

O último dia para registrar as chapas que concorrerão à presidência do Campinense foi nesta quarta-feira (14), até às 18h. Somente uma chapa, denominada “Um novo tempo” se inscreveu e, por isso, as eleições acontecerão com chapa única. Quem concorrerá ao cargo de presidente é Paulo Gervany (ascom), que, até o dia de inscrição, era o presidente interino do clube.

Se eleito, ao lado dele trabalharão Kléber Cabral como vice-presidente e Valdir Cabral como diretor de futebol. O candidato à presidência afirmou que os dois meses que passou como presidente interino serviram para ele dimensionar o tamanho dos desafios que terá depois que for empossado, mas que está contando com o apoio do torcedor, pois o clube só existe em função da torcida e que seu trabalho constante será para valorizar isso.

“O papel do torcedor será fundamental para o clube, pois ele existe em função do torcedor, aquele que ama o clube, que é apaixonado, e que passa esse amor por gerações. Isso tem que ser respeitado e nós trabalharemos em função disso, afinal, o Campinense Clube é grande e merece um lugar de destaque no cenário do futebol regional”, afirmou.

Valdir Cabral, candidato a diretor de futebol, já foi presidente do clube rubro-negro na década de 1990 e garantiu que sua experiência será usada para solucionar as questões administrativas do Campinense, ao lado de uma diretoria que considera competente e forte.

“Conheço um pouco da história do Campinense, já fui presidente, e estou crendo que essa nova fase será de virar a página das coisas ruins para dar início a uma boa fase no clube. Os desafios são grandes, pois o clube tem tradição e tem história, mas estou ao lado de uma grande equipe e vou usar minha experiência para agregar valor e soluções nesse novo tempo que está para começar depois das eleições”, afirmou Valdir.

Deixe um comentário