Notícia esportiva em primeiro lugar!

Comissão Nacional de Kart anuncia mudança nos motores dois tempos

Divulgação
(Flávio Quick – Quick Comunicação

Divulgação
(Flávio Quick – Quick Comunicação

Divulgação
(Flávio Quick – Quick Comunicação

A partir de 2018 todos os motores 125cc, dois tempos, deverão ter válvula de descompressão no cabeçote

Conforme anunciado na última semana a Comissão Nacional de Kart, departamento da CBA responsável pela regulamentação e gerenciamento do kartismo nacional, se reuniu para definir as diretrizes e mudanças da modalidade para o ano de 2018.
Algumas novidades serão apresentadas nos próximos dias pela entidade maior do automobilismo nacional, porém, a mais impactante delas certamente está ligada aos motores dois tempos de 125cc.
Com base no workshop realizado com fabricantes e preparadores no mês de agosto, bem como experiências bem sucedidas em outras partes do mundo, à partir do ano que vem os cabeçotes de todos os motores dois tempos deverão ter, obrigatoriamente, uma válvula de descompressão.
Esta válvula é um dispositivo que será acionado manualmente pelos pilotos e, com isso, os mecânicos não precisarão mais carregar os karts e soltá-los ao chão para colocar o equipamento em funcionamento. A partir de 2018, para dar a partida nos karts, os mecânicos simplesmente vão empurrar os karts e, quando o conjunto estiver em movimento, a válvula se desarma automaticamente para gerar a combustão e os motores funcionarem.
O QUE OS PILOTOS DEVERÃO FAZER
Em conjunto com a fabricante italiana IAME, que detém cerca de 98% do mercado de motores dois tempos no país, a CBA coordenou um elaborado estudo de como esta mudança poderia acontecer de forma a acarretar o menor custo possível aos competidores.
Todos os pilotos que utilizam os motores MY-2010 ou MY-2013 deverão comprar novos cabeçotes que, por sua vez, já virão com a válvula instalada. Este cabeçote será vendido ao preço final de R$ 350,00 e poderá ser adquirido junto à RBC Motorsport ou à IAME do Brasil. Os pedidos deverão ser feitos através dos e-mails vendas@rbcpreparacoes.com.br ou vendas@mgpneus.com.br. Dúvidas poderão ser esclarecidas pelos telefones (31) 3441-6562 com Diego ou (51) 3482-1300, com Marcelo.
IMPORTANTE: Como a demanda inicial das peças será muito grande e os cabeçotes serão importados diretamente da Itália, os revendedores solicitam que as reservas sejam feitas prioritariamente até o dia 30 de novembro. Os competidores e preparadores que reservarem até nesta data receberão as peças já na segunda quinzena de janeiro.
Categoria Novato: Com a necessidade da troca dos cabeçotes em todas as categorias, com um único investimento, a CBA irá resolver também um antigo problema da categoria Novato. Para esta classe, especificamente, os novos cabeçotes já virão configurados para uma câmara de combustão com volume de 18cm3. cAlém disso, os fabricantes irão disponibilizar gabaritos oficiais para as vistorias técnicas gerando, assim, maior precisão e agilidade nos procedimentos de Parque Fechado.
DEMAIS MOTORES HOMOLOGADOS
Os pilotos que competem com os demais motores homologados também deverão fazer a alteração em seus respectivos cabeçotes. Porém, nesses casos, a substituição das peças deverá acontecer no decorrer do ano de 2018 sendo que o prazo máximo para a mudança das peças será em 31 de dezembro de 2018.
“Para a CBA é um grande desafio trazer inovações para o mercado do kartismo nacional, porém, de forma que não seja impositivo um alto valor de investimento por parte dos competidores. Estudamos os benefícios que esta implantação da válvula iria nos trazer e chegamos a um valor bem razoável. Os chassis irão sofrer muito menos em virtude da diminuição do impacto no solo, irão reduzir drasticamente as quebras de para-choques sem contar, principalmente, que os mecânicos não vão mais precisar carregar o kart com o piloto sentado para colocar o equipamento em movimento. É uma inovação importante e tenho certeza trará benefícios para todos”, comentou Pedro Sereno, presidente da CNK.
Fotos: Flávio Quick – Quick Comunicação
Confederação Brasileira de Automobilismo – CBA
Assessoria de Comunicação

Deixe um comentário