Notícia esportiva em primeiro lugar!

Definidas as oito vagas do classificatório na etapa de Maceió

A etapa de Maceió (AL) do Circuito Brasileiro Open de vôlei de praia 2017/2018 começou nesta quarta-feira (14.03), na Praia da Pajuçara. Foram disputadas 24 partidas pelo classificatório, definindo os últimos oito times que avançaram à fase de grupos do torneio, que vai até domingo (18.03). Destaque para a recuperação de duplas que vinham ‘batendo na trave’ nos últimos meses e conseguiram na capital alagoana a importante vaga.

As oito duplas classificadas venceram dois jogos eliminatórios seguidos para ingressarem no torneio. São eles Felipe Cavazin/Adrielson (PR), Semenov/Leshukov (RUS), Daniel Souza/Fabiano (RJ/PE), Averaldo/Bernardo Lima (TO/CE), Marcus/Vinícius (RJ), Álvaro Andrade/Raúl (SE), Anderson Melo/Allison Francioni (RJ/SC) e Oscar/Léo Gomes (RJ).

Os irmãos Álvaro Andrade e Raúl haviam perdido a vaga nas duas etapas anteriores, no segundo jogo da disputa. Em Maceió (AL) veio a recuperação, debaixo de sol forte e com muita garra, ao superarem Rafa e Acosta (PR/URU) por 2 sets a 1 (21/18, 14/21, 17/15). Álvaro comentou a importância da vitória e classificação.

“Sentamos e tivemos várias reuniões após as últimas duas etapas. Não foi nada bom bater na trave duas vezes. Buscamos evoluir, felizmente nesta etapa a questão financeira ajudou e conseguimos que o nosso técnico (Léo Martins) estivesse presente. Tudo aconteceu por um trabalho feito lá atrás, com preparador físico, auxiliar, técnico. Só tenho a agradecer a equipe Evokar e agora queremos deixar o classificatório para trás”, destacou.

Raul também comentou a partida eletrizante contra Rafa e Acosta e a importância do time não ter se abatido após sofrer uma derrota no segundo set do duelo.

“Conseguimos imprimir nosso ritmo de jogo, com mais velocidade, superando duas etapas em que não apresentamos todo nosso potencial. Nosso técnico ajudou demais dando lucidez na parte tática, emocional. E tem que ter também uma dose de raça, ir até o final independente do placar. Foi uma partida muito dura, mas ficamos unidos e não desistimos em nenhum momento”, analisou o defensor da dupla.

Outro atleta que superou uma derrota no classificatório na etapa passada foi Allison Francioni. Agora jogando ao lado de Anderson Mello, o bloqueador conseguiu as duas vitórias e a vaga na próxima fase do torneio. Ele analisou o rápido entrosamento com o novo parceiro, com quem superou na partida decisiva Luccas e Lázaro (DF/GO) por 2 sets a 0 (21/9, 21/17).

“Tínhamos jogados juntos em alguns torneios de base, no Sub-21, mas estávamos sem atuar há muito tempo e fiquei muito feliz com o resultado. Nosso entrosamento foi muito bom, a parceria e amizade que temos fora de quadra também contribuiu muito para isso. Maceió é uma cidade linda, respira vôlei de praia, mas o calor está forte, então tivemos que nos hidratar bem e jogar sempre dando o máximo”, declarou Allison.

Os oito times do classificatório se juntam aos 16 do ranking para a fase de grupos. Já estavam garantidos Evandro/André Stein (RJ/ES), Vitor Felipe/Guto (PB/RJ), Alison/Bruno Schmidt (ES/DF), Pedro Solberg/George (RJ/PB), Álvaro Filho/Saymon (PB/MS), Hevaldo/Arthur Lanci (CE/PR), Ramon Gomes/Fernandão (RJ/ES), Léo Vieira/Jô (DF/PB), Harley/Jeremy (DF/RJ), Márcio Gaudie/Moisés (RJ/BA), Thiago/Marcus Borlini (SC/ES), Lipe/Fábio Bastos (CE), Vinícius/Luciano (ES), Benjamin/Pedro Henrique (MS/PB), Eduardo Davi/Ricardo (PR/BA) e Luccas Lima/Guto (SP).

Após cinco etapas, Ágatha e Duda lideram com 1.760 pontos o ranking geral, mas considerando o descarte do pior resultado, aparecem atrás de Carol Solberg e Maria Elisa, que somam 1.720 pontos. No masculino, os campeões mundiais Evandro e André lideram com 1.800 pontos, seguidos por Vitor Felipe/Guto, que somam 1.600 pontos.

O Circuito Brasileiro é composto por sete etapas, três que foram realizadas em 2017 – Campo Grande (MS), Natal (RN) e Itapema (SC) – e mais quatro neste ano. Além de Fortaleza (CE), João Pessoa (PB) e agora Maceió (AL), a competição passará por Aracaju (SE), de 4 a 8 de abril. Ainda em abril ocorre também a disputa do SuperPraia, que reúne os melhores times da temporada e ocorre de 25 a 29, em Brasília (DF).

Deixe um comentário