Notícia esportiva em primeiro lugar!

Jogos Escolares da Juventude terão quase 4 mil atletas de 15 a 17 anos, em novembro, em João Pessoa (PB)

Entre 10 e 19 de novembro, mais de 3.900 atletas de 15 a 17 anos se reunirão na Paraíba para a segunda fase dos Jogos Escolares da Juventude. Organizado pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB) desde 2005, a competição terá a disputa de 13 modalidades: atletismo, basquete, ciclismo, futsal, ginástica rítmica, handebol, judô, lutas, natação, tênis de mesa, vôlei, vôlei de praia e xadrez.

A segunda etapa nacional dos Jogos Escolares da Juventude contará com a participação de estudantes de 25 estados do país, mais o Distrito Federal e uma delegação da cidade anfitriã. Além disso, estudantes do Chile disputarão as provas de atletismo e natação, com um total de 24 atletas. Ao todo, mais de cinco mil pessoas estarão envolvidas no evento, entre atletas, treinadores, oficiais, médicos, voluntários e organizadores.

Integrantes do COB embarcaram nesta quinta-feira, dia 27, para João Pessoa para iniciar a montagem do evento. Após a realização desta etapa, João Pessoa passa a ser a cidade que mais vezes terá recebido os Jogos Escolares da Juventude. A capital paraibana será a sede do evento pela sexta vez, ultrapassando Poços de Caldas (MG), anfitriã da competição em cinco ocasiões. “Retornamos a João Pessoa depois de uma ótima primeira etapa, em setembro. Agora acertaremos alguns detalhes para proporcionar condições ainda melhores aos futuros talentos do esporte nacional. A cada ano edição procuramos aprimorar a organização para podermos contribuir com a inclusão social dos jovens através do esporte e com a identificação de atletas para o alto rendimento”, comentou Edgar Hubner, diretor geral dos Jogos Escolares da Juventude e gerente geral de Juventude e Infraestrutura do COB.

Anualmente, os Jogos Escolares contemplam mais de 2 milhões de jovens nas seletivas municipais e estaduais, organizadas pelos estados e municípios, representando 40 mil escolas de quase 4 mil cidades do Brasil.

Os Jogos Escolares da Juventude são o maior celeiro de atletas olímpicos do país, revelando, a cada ano, novos talentos para o esporte brasileiro. Da delegação composta por 465 atletas do Time Brasil nos Jogos Olímpicos Rio 2016, um total de 52 já participaram dos Jogos Escolares da Juventude, entre eles Mayra Aguiar, Sarah Menezes, do judô, e Hugo Calderano, do tênis de mesa. Levando-se em consideração apenas as modalidades disputadas nos JEJ’s, esse número representa aproximadamente 23% da delegação verde e amarela nos Jogos do Rio.

Em João Pessoa, os jovens talentos do esporte nacional terão a ilustre companhia da judoca campeã olímpica Rafaela Silva. A carioca está entre os 11 atletas olímpicos ou pan-americanos selecionados pelo COB para atuarem como Embaixadores dos Jogos em João Pessoa. A função dos Embaixadores é levar o exemplo positivo da prática esportiva para os jovens participantes, através do contato direto, palestras e atividades educativas. A escalação dos embaixadores para a etapa de 15 a 17 anos dos JEJs traz diversos medalhistas olímpicos, mundiais e pan-americanos: Fabiana Murer (atletismo), Gideoni Monteiro (ciclismo), Lenisio Teixeira (futsal), Natalia Gaudio (ginástica rítmica), Dara (handebol), Gilda Oliveira (lutas), Graciele Hermann (natação), Mariany Nonaka (tênis de mesa), Giba (vôlei) e Ricardo (vôlei de praia).

Além das competições, na fase nacional, organizada pelo COB, os jovens atletas terão à disposição uma série de eventos paralelos. O programa sócio-educativo e cultural abrange diversas atividades extras com o intuito de aproximar os jovens de todo o país aos valores olímpicos. Esse ano, o tema geral do evento será “Esporte e Cinema”.

Deixe um comentário