Notícia esportiva em primeiro lugar!

Presidente do Kashima acusa presidente da CEAF

O presidente do Kashima, jornalista Marcos Lima divulgou nota nas redes sociais denunciando ter sido desrespeitado pelo presidente da Comissão Estadual da Arbitragem, José Renato. Segundo a nota, o Kashima não foi convidado para fazer parte do sorteio do árbitro entre Botafogo x Kashima, que vale o título do Campeonato Paraibano de futebol, domingo, às 16h, no CT Ivan Tomaz.

“Uma final de campeonato que vale vaga num campeonato brasileiro e sequer os times envolvidos na decisão tem conhecimento de qualquer sorteio para escolha da arbitragem. Basta ver a última arbitragem, quando da primeira partida da final, ocorrida na noite desta 4a feira, tamanha injustiça para com o meu clube por parte da arbitragem que sequer os clubes tinham participado de qualquer escolha, fato este presenciado por todos que ali estavam, inclusive pela Imprensa.
Acho isso um desrespeito. A Comissão Estadual escala e os clubes tem que aceitar. Engolir de goela abaixo. Fui falar sobre o assunto com o presidente da comissão Zé Renato e ele disse que eu tinha que aceitar do jeito que ele quer, desligando telefone na minha cara.
ORA, sou Presidente de um clube e MEREÇO RESPEITO. Dirijo um time que está na final de um campeonato sério. Nunca faltei com respeito a alguém, nem ao senhor ZE RENATO. Minha educação começa a partir do término da educação do próximo.

ESTE É MEU DESABAFO. CHEGA DE FALTA DE RESPEITO”, finalizou Marcos Lima.

O www.soesporte.com.br tentou contato com o presidente da Comissão Estadual da Arbitragem, José Renato e espera a resposta do dirigente. O celular de José Renato deu sinal de fora de área. Os contados do www.soesporte.com.br franco@soesporte.com.br ou 9 8716 6154

Deixe um comentário