Notícia esportiva em primeiro lugar!

Jogo Serrano 1×1 Auto Esporte paralisado após ausência de médico e policiamento

Serrano 1×1 Auto Esporte paralisado após ausência de médico e policiamento

Chuva, falta de médico, atraso para o início, ausência médica novamente, policiamento indo embora. Bagunça total e todo mundo perdido.

Este pode ser um resumo do que foi a partida Serrano 1 x 1 Auto Esporte, paralisada aos 10 minutos do segundo tempo, instantes depois do gol de empate dos donos da casa.

Válida pela abertura da oitava rodada do Paraibano 2018, a peleja desta chuvosa tarde de sábado (17), no Amigão, em Campina Grande, expôs inúmeros defeitos que vez ou outra assombram o futebol do Estado.

Primeiro a partida começou com quase meia hora de atraso, uma vez que não havia médico na ambulância contratada para a ocasião. Todos os anos, tal situação tem se tornado quase uma praxe a cada rodada do certame.

Com a bola rolando, o Auto Esporte abriu o placar aos 25 minutos da etapa inicial, quando Raimundinho aproveitou rebote de Rhuan e balançou a rede.

O Serrano só conseguiu empatar aos sete minutos do segundo tempo, com Rafael Ibiapino convertendo pênalti.

Não demorou muito e a celeuma começou. O árbitro Adeilson Sales foi obrigado a paralisar a partida porque o médico de plantão na partida precisou se ausentar do estádio para atender uma emergência. Sem médico, a bola não poderia rolar.

Foto: Divulgação / João da Paz

Como se não bastasse a constrangedora situação, incomodado com a desorganização, o capitão Tiago, que comandava o efetivo da Polícia Militar em serviço no Amigão, alegou que teria de cumpri outra missão enquanto oficial e retirou o policiamento do estádio.

Mais de uma hora depois da paralisação da partida, quando um outro médico apareceu no campo de jogo, o representante da Federação Paraibana de Futebol, jornalista Geraldo Varela, até tentou fazer contato com o comando da PM para que a situação fosse contornada. Tudo em vão.

Com médico, mas sem polícia, a partida foi encerrada. Segundo Varela, dois relatórios serão produzidos e entregues à FPF, que deverá se posicionar sobre o caso somente na segunda-feira, conforme seu representante.

Para uma situação como essa, o Regulamento Geral das Competições da CBF prevê que a partida seja reiniciada no dia seguinte, às 15h, de onde parou, no caso aos 10 minutos do segundo tempo.

O Serrano contou com Ruham, Wesley, Diego, Lima e Marcelo Bispo; Isaias, Renilson, Caio e Erivan; Rafael Ibiapino e Jones.

O Auto Esporte esteve com Vlademir, Elton, Radson, Cosmo e Leo Lima; Joao Pedro, Emerson Bastos, Raimundinho e Junior; Biro Biro e Je.

Arbitro: Adeilson Sales
Assistente 1: Sidrac Valério
Assistente 2: Herioberto Henrique
Quarto Árbitro: Arkilson Lima

Serrano 1 x 1 Auto Esporte

Público:1286 (com Gol de Placa)
Renda: 25.720,00

Com informações do paraibaonline.com.br

Deixe um comentário