Arte marcial

Atleta paraibana Mayara Rocha se prepara para disputar o mundial de Powerlifting

Atleta paraibana Mayara Rocha se prepara para disputar o mundial de Powerlifting

Uma atleta de alto nível, com a carreira em ascensão e que tem colecionado títulos e medalhas. A atleta paraibana Mayara Rocha vive um momento especial de sua carreira e se prepara para disputar o Mundial de Powerlifting, que será disputado na África.

Tetra Medalhista no Sul-americano, Mayara conversou com exclusividade com o SóEsportes, e falou de sua carreira, dos desafios, lutas, conquistas e do sonho de se tornar uma campeã mundial. Recentemente ela sagrou-se Campeã Brasileira de Powerlifting Equipado, Campeã do Arnold Classic South América 2022. As duas competições foram disputadas simultaneamente com atletas de vários estados brasileiros. Na mesma competição disputada em São Paulo, ela quebrou três recordes brasileiros na modalidade e conquistou o título de Melhor Atleta da Competição.

Participando pela primeira vez em sua trajetória de atleta de uma competição na modalidade, ela conquistou um feito inédito, mesmo sendo estreante e disputando com atletas consagradas mundialmente, ela ganhou todos os títulos que estavam em disputa. 

Na entrevista ao SóEsportes, Mayara Rocha lembrou que a sua estreia no Powerlifting, aconteceu no final do ano passado e o resultado foi surpreendente.
Ela contou que começou a praticar Powerliftingm na “quarentena”, meio que por obrigação, já que era atleta de levantamento de peso olímpico.

“Fazer os movimentos de levantamento de peso em casa não era muito seguro. Eu precisava de espaço. Então uma da forma de manter a minha força para o esporte que eu fazia era agachar muito e fazer muita terra, que são movimentos do Powerlifting”, explicou a atleta.

A partir desses treinos, Mayara e o seu treinador, decidiram competir nessa nossa modalidade esportiva. Para isso, ela teve que baixar a sua categoria, e perder mais 3 quilos para poder competir. Os resultados, no entanto, surpreenderam.

Em dezembro do ano passado, Mayara Rocha brilhou no Campeonato Sul Americano de Powerlifting, disputado em Guayaquil, no Equador. Ela ganhou duas medalhas de prata e duas de bronze e retornou à Paraíba com quatro medalhas na bagagem. Mayara ainda chegou a ser anunciada como ganhadora da medalha de ouro na categoria “Supino”, mas por conta do regulamento, acabou sendo confirmada com a medalha de prata, no momento da entrega da premiação.

A convocação de Mayara para compor a Seleção Brasileira se deu após a excelente performance da paraibana no Campeonato Brasileiro, disputado no mês de outubro, no Rio de Janeiro, quando ela participou da competição, também pela primeira vez, e conquistou o título de Campeã Brasileira na categoria “Novos”, que reúne os atletas estreantes na competição; e de Vice-Campeã na categoria “Open”, que reúne os melhores e mais experientes atletas do país na modalidade.

Sem tempo para descansar, a atleta intensificou os treinos e este ano, voltou a lutar, sagrando-se campeã brasileira. Esses bons resultados, possibilitaram a atleta conquistar a vaga para o Mundial que vai acontecer em junho na África do Sul.

“O fato de ter competido bem no Sul Americano e ter medalhado em todos os movimentos; ter sido campeã brasileira e ter atingido os pontos para o mundial. Então agora eu faço parte da Seleção Brasileira de Powerlifting” observou a atleta.

Falando sobre as dificuldades enfrentadas na última competição, Powerlifting Equipado, quando conquistou o título de campeã brasileira, Mayara Rocha, que teve que superar muitos desafios a começar pelos equipamentos utilizados. Esta foi a primeira vez que a atleta paraibana competiu nesta modalidade.

“Os equipamentos que a gente usa são equipamentos diferentes. As roupas são diferentes. São mais difíceis. Porque o atleta precisa ter uma força para suportar a roupa, e outra para fazer os movimentos” observou.

Com mais duas medalhas, a atleta paraibana Mayara Rocha desembarcou na semana passada no Aeroporto Presidente João Suassuna, em Campina Grande, vinda de São Paulo, sendo recebido com festa pelos amigos e familiares. Sem tempo para comemorar, já iniciou os treinos para o Mundial.

Mayara Rocha Soares tem 29 anos; é natural de Campina Grande; membro da Seleção Brasileira de Levantamento de Peso Olímpico (LPO) (2018); tetracampeã paraibana; vice-campeã brasileira; membro da delegação da Seleção Brasileira de Levantamento de Peso que disputou o Pan Americano em Santo Domingo, na República Dominicana; Medalha de Bronze no Campeonato Brasileiro de Levantamento de Peso Olímpico; 3ª colocada no Mundial Crossfit Liftoff, 4ª colocada no Campeonato Brasileiro de Levantamento de Peso 2021; campeã na categoria “Novos” e vice-campeã na categoria “Open” do Campeonato Brasileiro de Powerlifting 2021; e tetra medalhista no Campeonato Sul Americano de Powerlifting.

Severino Lopes

Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.