Futebol

Hulk é denunciado por falta cometida contra o Coritiba e será julgado pelo STJD

Hulk é denunciado por falta cometida contra o Coritiba e será julgado pelo STJD

O atacante Hulk foi denunciado e será julgado por “agressão física” pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), na quarta-feira da próxima semana, às 10h. O jogador paraibano foi amarelado após atingir um adversário com um chute no empate em 2 a 2 do Atlético-MG com o Coritiba.

Hulk foi enquadrado no artigo 254-A, do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), que fala sobre “desferir chutes ou pontapés”. Se for condenado, o atacante do Galo pode pegar de quatro a 12 jogos de suspensão.

O camisa 7 do Atlético-MG pode ser absolvido, receber uma punição branda ou até mesmo uma suspensão mais pesada. Qualquer um dos resultados será cabível de recurso ao Pleno do STJD.
Aos 22 minutos do segundo tempo, Hulk perdeu uma disputa de bola contra Willian Farias e acabou dando um chute não certeiro na bola, mas atingindo o adversário. Sávio Pereira Sampaio, árbitro da partida, justificou na súmula da partida que foi uma “entrada contra um adversário de maneira temerária na disputa da bola”.

O cartão amarelo recebido pelo paraibano naquela partida havia sido o primeiro dele no Campeonato Brasileiro. Posteriormente, o atacante foi advertido contra Goiás e América-MG. Dessa forma, está suspenso para o duelo Bragantino x Atlético-MG.

Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.