Atletismo

Pequim 2022: Erin Jackson se torna a primeira mulher negra da história a ganhar uma medalha na patinação de velocidade

Pequim 2022: Erin Jackson se torna a primeira mulher negra da história a ganhar uma medalha na patinação de velocidade
A atleta americana Erin Jackson conquistou neste domingo (13) a medalha de ouro na patinação de velocidade. Aos 29 anos, Jackson se tornou a primeira mulher negra a subir ao pódio da modalidade. “Vou demorar um pouco para processar isso em palavras”, disse a campeã em seu Instagram.
Erin também conquistou o primeiro lugar nos 500m feminino com um incrível tempo de corrida de 37s04, terminando 0,08 segundos à frente da medalhista de prata Miho Takagi, do Japão, e 0,17 segundos mais rápido que a russa Angelina Golikova.
A medalhista histórica havia ficado em terceiro lugar nas seletivas para as Olimpíadas de Inverno Pequim 2022. Um de seus patins se soltou durante a prova e Erin perdeu alguns segundos. A atleta Brittany Bowe, que ficou com a classificação, decidiu abrir mão de sua vaga e ceder à Erin.
“Acho que o que ela fez esta noite será um trampolim para dar a tantas meninas e meninos a oportunidade de admirar alguém que eles não foram capazes de olhar e se relacionar”, disse a colega de equipe Brittany Bowe e acrescentou: “Ela acabou de mostrar ao mundo por que ela merece estar aqui”.

Por Franco Ferreira Neto

Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.