Basquete

Projeto Adelante inicia módulos presenciais com palestras de José Neto e Diego Falcão em João Pessoa, na Paraíba

A segunda etapa do Projeto Adelante, ação pelo desenvolvimento do basquete feminino, realizado pela Confederação Brasileira de Basketball com apoio do Comitê Olímpico do Brasil e da FIBA. na Paraíba.

Após uma primeira etapa virtual, sucesso com mais de 1.500 inscritos, chegou a hora de levar para a prática os ensinamentos para técnicos, preparadores físicos e toda a comunidade que trabalha com o modalidade no país.

A primeira ação presencial será entre os dias 8 a 10 de julho, em João Pessoa, na Paraíba, com suporte da Federação Paraibana de Basketball. As inscrições vão até o dia 5 de julho.

Os trabalhos acontecem no Colégio Marista Pio X, com palestras do técnico da Seleção Brasileira feminina, José Neto, e do preparador físico da Seleção, Diego Falcão, além da presença da vice-presidente da CBB e diretora do feminino, Magic Paula e coordenação da gerente de Seleções femininas, Adriana Santos.

– Minha felicidade agora vem em dose dupla, primeiramente pelo desafio que foi coordenar o Projeto Adelante EAD e colocá-lo em ação e ver tudo que ele pôde proporcionar. Agora estamos chegando com a parte prática, digo que é a parte mais prazerosa, pois estaremos perto dos participantes, das embaixadoras, das federações e minha gratidão só aumenta. Obrigada a todos aqueles que fazem o projeto acontecer. O pontapé inicial será na Paraíba, depois será a vez do Rio Grande de Sul receber o Adelante 2022.
Serão três dias com um conteúdo programático bem interessante, tenho certeza que será enriquecedor poder compartilhar tantos conhecimentos em prol do basquete feminino brasileiro. Esperamos vocês – disse Adriana Santos.

Ao todo, a CBB irá disponibilizar 220 vagas, com o valor de R$ 99 para filiados à federações estaduais e R$ 129 para os demais profissionais.

Projeto Adelante

Com o tema “Um caminho para o êxito – Metodologia e capacitação para os formadores e multiplicadores do basquete feminino do Brasil”, o Adelante promete uma revolução no basquete feminino. A capacitação já teve 70 horas de modo EAD, com introdução, parte técnica, preparação física e disciplinas auxiliares com certificado de conclusão. Os instrutores são todos membros das comissões técnicas da Sub-14 até o adulto, além de palestrantes relevantes do cenário do basquete feminino nacional e internacional.

Após a Paraíba, a capacitação presencial irá passar por outras regiões do Brasil, difundindo e desenvolvendo os profissionais formadores e multiplicadores. O projeto tem também a participação de 20 embaixadoras, todas mulheres, que ajudam no momento da capacitação presencial. Todo o dinheiro arrecadado pelo Adelante será para pequenas ações para o basquete feminino brasileiro.

Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.