Voleibol

Três paraibanos sobem ao pódio no vôlei de praia

O azul foi a cor da sorte para Evandro/Álvaro Filho (RJ/PB) e Elize Maia/Thâmela (ES), e, apesar do cinzento que cobria o céu do Rio de Janeiro (RJ) na manhã deste domingo (10.10), foi o celeste que deu o tom dos campeões da segunda etapa do Circuito Brasileiro Open de Vôlei de Praia 2021. Na arena montada na Escola de Educação Física do Exército (EsEFEx), na Urca, zona sul carioca, as duas duplas alcançaram o título inédito.

Na disputa masculina Evandro e Álvaro Filho (RJ/PB), que jogam juntos desde setembro, apenas, disputaram a segunda final da dupla em dois torneios disputados. Depois da segunda colocação no evento inaugural da temporada no final do mês passado, desta vez eles chegaram ao lugar mais alto do pódio ao passarem por André e George (ES/PB), por 2 sets a 0 (24/22 e 21/15). Evandro, que agora conta com 17 ouro em Open, celebrou o bom começo da nova parceria.

Aniversariante

Álvaro Filho tinha razões de sobre para comemorar o primeiro título ao lado do novo parceiro. O pequeno Dom, primeiro filho do atleta paraibano, completa um ano de vida nesta segunda-feira (11.10), e receberá de presente uma medalha de ouro.

“Eu quero dedicar ao Dom, que vai completar um ano de vida amanhã, a saudade está grande. Agradeço a todos os nossos apoiadores, e aqueles que apoiam o vôlei de praia em geral. Estamos unidos para que nosso esporte fique mais forte e possamos buscar ótimos resultados”, falou Álvaro que conquistou uma etapa Open pela décima terceira vez.

Partidas pelo bronze abriram a rodada do domingo

Antes da final em cada naipe a arena da EsEFEx ficou movimentada logo cedo com as partidas para definição do terceiro lugar, ambas com transmissão ao vivo pelo canal Vôlei de Praia TV. Na quadra central, logo cedo, Rebecca e Talita (CE/AL), campeãs da etapa passada, venceram Andressa/Vitoria (PB/RJ) por 2 sets a 1 (21/23, 21/11 e 15/11).

Um pouco depois, desta vez na quadra 2, Vitor Felipe e Renato Andrew (PB), que levaram o título na primeira etapa, desta vez garantiram o bronze com vitória sobre Arthur Mariano/Adrielson (MS/PR) por 2 sets a 0 (21/17 e 21/15).

Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.