Notícia esportiva em primeiro lugar!

Brasileiros classificados para as Olimpíadas de 2020

Brasileiros classificados para as Olimpíadas de 2020

Conheça os representantes do país verde e amarelo na maior competição esportiva do mundo

O ano de 2020 se aproxima e, com ele, a grande esperança dos atletas brasileiros com as Olimpíadas, que serão disputadas na cidade de Tóquio, no Japão.

Mas a ansiedade pelos jogos olímpicos não vem à toa. Afinal, a competição que acontece a cada 4 anos é a mais importante para profissionais que dedicam toda a vida para essa disputa e, claro, para conquistar medalhas nesse momento tão importante.

Com esse objetivo no horizonte, vemos a delegação brasileira aumentar consideravelmente a sua participação, pois já contamos com mais de 100 atletas classificados e com presença confirmada para a disputa de diversas modalidades. Certamente, até julho de 2020, data de início da disputa, veremos mais atletas brazucas classificados para os jogos na terra do sol nascente. Veja a seguir quais as modalidades que já estão com as malas prontas e prepare-se para torcer!

O Brasil presente em várias modalidades

Atualmente, mais de 16 modalidades diferentes de esporte contam com atletas brasileiros nas Olimpíadas de Tóquio. Apesar de muitos torneios pré-olímpicos acontecerem somente no ano que vem, já temos uma delegação bem preparada para a disputa que está por vir.

As principais categorias de esporte, onde o Brasil certamente lutará pelo lugar mais alto no pódio, estão se preparando para os desafios vindouros. É o caso de algumas modalidades listadas logo abaixo:

Vôlei Feminino

Nosso país sempre foi um grande destaque no vôlei, tanto na praia ou quadra, e para ambos os gêneros de jogadores. Nesse caso, com 12 atletas prontas para o desafio no Japão, o time feminino garantiu vaga no torneio Pré-Olímpico após as vitórias sobre as seleções de Camarões, República Dominicana e Azerbaijão.

Vôlei Masculino

Já o time masculino encontrou maiores dificuldades para se classificar, mas alcançou o objetivo de ir aos jogos depois de uma batalha épica contra a seleção da Bulgária. Em um jogo aparentemente perdido, os meninos de ouro do Brasil não se deixaram abater e conseguiram virar o placar que garantiu a classificação para as Olimpíadas.

Agora, com a vaga garantida, a seleção brasileira vai se preparar para chegar com tudo e mostrar sua tradicional força para os adversários. Já estamos torcendo daqui.

Futebol Feminino

O ano de 2020 também marca a presença ilustre da nossa seleção feminina de futebol. Marta e companhia chegam fortes para o torneio após a vaga conquistada lá em 2018, no hexacampeonato da Copa América, após atropelar todos os adversários em uma campanha histórica de 7 vitórias, com 31 gols marcados e apenas 2 sofridos durante toda a competição.

E essa disputa pode ter um toque especial para nossa craque, Marta, que possivelmente disputará a última competição olímpica da carreira. A atleta, dona de 6 troféus como melhor jogadora do mundo, certamente irá para a disputa com uma motivação diferenciada na busca pelo ouro olímpico.

Natação Masculina

A equipe de natação brasileira também vem forte para os jogos de 2020, onde 12 atletas irão participar das provas de revezamento na busca por uma medalha. A classificação foi garantida no Mundial de Esportes Aquáticos, que aconteceu na Coréia do Sul em julho deste ano.

Vamos torcer para os 12 atletas brazucas nadarem bem e mostrarem a tradicional força nas provas aquáticas.

Canoagem de Velocidade

Mais uma modalidade que garantiu vaga nos jogos de Tóquio foi a canoagem de velocidade, onde Isaquias Queiroz e Erlon de Souza garantiram a vaga, na categoria C2 1000m, por meio da disputa acirrada no Mundial de Canoagem e Paracanoagem ocorrido em Szeged, na Hungria.

Outro atleta que carimbou o passaporte foi Pedro Gonçalves, mas na modalidade K1 masculina. De qualquer forma, os 3 atletas chegam com força ao Japão, onde poderão mostrar aos adversários porque o Brasil vem se destacando tanto no esporte nos últimos anos.

Já na Canoagem Feminina, Ana Sátila conquistou o índice olímpico em duas modalidades: na C1 e K1. No entanto, como não é possível uma atleta disputar duas provas distintas, Sátila optou pela K1, prova onde suas chances de boa colocação são maiores.

Handebol Feminino

A seleção brasileira de Handebol feminino também assegurou vaga para o oriente na conquista do hexacampeonato dos jogos Pan-Americanos, disputado em Lima, no Peru. Após a vitória sobre a seleção da Argentina, as 14 atletas do Brasil chegarão em Tóquio como favoritas na busca por uma medalha, e certamente estaremos ansiosos para esse momento.

Outras modalidades chegam para ganhar espaço

Além dos vários destaques que mostramos aqui, outros atletas vão marcar presença nos jogos olímpicos em diversos esportes e categorias distintas. São eles:

  • Hipismo Adestramento com 3 atletas;
  • Hipismo CCE com 3 atletas;
  • Hipismo Saltos também com 3 atletas;
  • Maratona Aquática, com 1 atleta;
  • Pentatlo Moderno com 1 atleta;
  • Rugby Sevens feminino com 12 atletas;
  • Tênis e Tênis de mesa com 1 atleta cada;
  • Tiro com arco com 1 atleta;
  • Vela com 10 atletas.

Certamente veremos a lista de representantes brasileiros aumentar. Mas, até lá, vamos torcer para o Brasil ser bem representado, mais uma vez, pelo esporte. Também vamos torcer para as novas gerações de atletas eternizarem seu nome na história com conquistas de medalhas olímpicas e, claro, a quebra de recordes.

Se você quer acompanhar de perto as disputas por um local no pódio na terra do sol nascente, precisa se preparar para o evento de 2020 com antecedência. Comprar dólar e realizar todo o planejamento é uma boa pedida para viajar tranquilo, como torcedor, nas Olimpíadas de Tóquio.

Deixe um comentário

Error, no Ad ID set! Check your syntax!
Error, no Ad ID set! Check your syntax!
Error, no Ad ID set! Check your syntax!