Notícia esportiva em primeiro lugar!

CBA pede desculpas a Pedro Piquet por carteira cassada

Em comunicado a CBA pede desculpas ao piloto Pedro Piquet por um ato equivocado. O filho do tri campeão Nelson Piquet teve sua carteira cassada pouco antes de uma corrida na Nova Zelândia

Por soesporte.com.br

Filho do tri Campeão Nelson Piquet

Filho do tri Campeão Nelson Piquet

A CBA emitiu um comunicado pedindo desculpas a Pedro Piquet. Nesta quarta-feira (5), a entidade assumiu que cometeu um ato equivocado ao cassar a carteira do piloto de 15 anos pouco antes da terceira etapa do Toyota Racing Series, na Nova Zelândia.

Toyota Racing Series (TRS) – Estabelecida em 2004, é a principal categoria de monopostos da Nova Zelândia. O campeonato tem cinco etapas em cinco finais de semana consecutivos, com três baterias em cada uma delas.

Os carros são similares aos da Formula 3, com a mesma relação peso-potência, usam os mesmos pneus da F3 e seguem os mesmos parâmetros de segurança da FIA para a categoria.

Como é disputada tradicionalmente no início da temporada, a TRS atrai pilotos de todo o mundo, uma vez que o inverno no hemisfério norte dificulta o automobilismo na Europa.

Com cinco equipes inscritas, a 10ª edição do campeonato é a de maior representação internacional. São 13 países presentes no grid de 23 carros, sendo 19 pilotos estrangeiros e quatro neo-zelandeses. A faixa etária dos competidores varia de 15 a 23 anos de idade.

Entre os pilotos com passagem pela TRS, destacam-se o russo Daniil Kvyat (que em 2014 será titular da equipe Toro Roso na F1), o piloto italiano atual campeão europeu de F3 Rafaelle Marciello, o neo-zelandês Mitch Evans (piloto da GP2 em 2013 e campeão da GP3 em 2012) e o britânico Alex Lynn, atual campeão do tradicionalíssimo GP de Macau.

“A Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA), na pessoa do seu Presidente Cleyton Pinteiro, e a Federação de Automobilismo do Estado do Maranhão (Faem), na pessoa do seu Presidente Giovanni Guerra, consternados com o episódio ocorrido durante o Campeonato Toyota Racing Series, na Nova Zelândia, em consequência de um ato equivocado, veem a público e à luz da verdade, pedir sinceras desculpas ao piloto Pedro Piquet. Certo de sua compreensão, permanecemos a disposição com o objetivo de sempre colaborar e apoiar nossos pilotos e nosso Automobilismo.”

Opinião Sóesporte: Difícil de explicar o que a CBA- Confederação Brasileira de Automobilismo fez.  A Fia – Federação Internacional de Automobilismo mandou cancelar, cabe a própria (CBA) defender não só o Piloto Brasileiro Pedro Piquet  mais também todos os Pilotos Brasileiros que  representam o nosso Pais (Brasil) no esporte motor em todo mundo.

Deixe um comentário