Primeiro dia em Barranquilla termina empatado e Time Correios Brasil busca abrir vantagem na dupla | SóEsporte

Notícia esportiva em primeiro lugar!

Primeiro dia em Barranquilla termina empatado e Time Correios Brasil busca abrir vantagem na dupla

O primeiro dia do confronto entre Colômbia e o Time Correios Brasil, pelo Zonal Americano I da Copa Davis, terminou empatado em 1 a 1, nesta sexta-feira, no piso duro do Parque Distrital de Raquetas, em Barranquilla. A equipe brasileira saiu na frente com a grande vitória do cearense Thiago Monteiro, que não tomou conhecimento sobre o ex-top 30 do mundo, o experiente Santiago Giraldo, e aplicou 2 sets a 0, com parciais de 6/1 e 6/2.

O Brasil teve a chance de abrir 2 a 0 de vantagem, mas o raquete 2 nacional, o gaúcho Guilherme Clezar, acabou sofrendo a virada para Daniel Galán e foi superado por 3/6, 6/2 e 6/1.
Neste sábado, o número 1 do mundo Marcelo Melo e Marcelo Demoliner tentam deixar o Time Correios Brasil outra vez na frente. Eles enfrentam a forte parceria formada por Juan Sebastián Cabal e Robert Farah a partir das 17h (horário de Brasília). Depois, há a inversão dos jogos de simples, com Monteiro contra Galán e Clezar versus Giraldo, se necessário. Quem vencer o confronto classifica-se para disputa do playoff do Grupo Mundial, em setembro.
“O dia foi de jogos importantes. Já esperávamos um confronto equilibrado. O Monteiro fez um grande jogo tanto na parte de estratégia quanto na parte técnica, foi muito bem, apresentou um tênis de alto nível e fez o primeiro ponto para o Brasil. O Gui no segundo jogo começou muito bem no primeiro set, depois caiu fisicamente, baixou um pouco a pegada e o adversário se aproveitou e cresceu muito no jogo. Amanhã tudo se decide, o jogo de dupla é um ponto fundamental, como sempre. Mas precisamos de dois pontos mais para fechar esse confronto e vamos lutar com todas as forças”, avaliou o capitão João Zwetsch.
“Sem dúvidas foi um jogo muito bom, acho que eu estava muito bem preparado. A semana de treino aqui foi bem positiva. Entrei em quadra esperando um jogo difícil contra um cara que joga bem nessas condições, mas consegui impor bem minha tática e meu ritmo de jogo. Saquei muito bem também, não deixei ele tão confortável nas devoluções, que é um dos pontos fortes dele. Usei bastante minha direita, que foi importante. Foi uma vitória que sem dúvidas me dá muita confiança para buscar o segundo ponto amanhã”, destacou Monteiro.
“Observei um pouco o jogo dele hoje para poder definir a tática para amanhã junto com o capitão. Ele joga até um pouco parecido com o Giraldo, tem a esquerda bem boa, a direita ele deixa um pouco mais de tempo para jogar. é um cara que saca muito bem, que gosta de ir para cima. Então, entrar mais uma vez com a mesma mentalidade que será um jogo bem difícil, definido nos detalhes e tenho que aproveitar as oportunidades para tentar sair na frente e jogar com uma boa margem e é ir com tudo. A energia daqui está muito boa, foi fundamental hoje, me deram bastante apoio. Agora é torcer pela dupla amanhã e tentar finalizar no quarto”, completou o raquete 1 brasileiro.
A delegação brasileira em Barranquilla conta ainda com o tenista João Sorgi, o técnico Daniel Melo, o preparador físico Eduardo Faria, o fisioterapeuta Paulo Santos, o médico Ricardo Diaz, o técnico Ricardo Schlachter, os juvenis João Lucas Reis e João Victor Loureiro, além do chefe de delegação Eduardo Frick e do presidente da Confederação Brasileira de Tênis, Rafael Westrupp.

Deixe um comentário