Futebol

VOCÊ SE LEMBRA DE MILTINHO?

Ele nasceu na belíssima cidade de João Pessoa, Paraíba, precisamente no dia treze de agosto do ano de mil novecentos e sessenta e cinco, foi por seus pais batizado com o nome de MILTON RAFAEL ARCANJO, mas para o mundo da bola ele ficou conhecido como “MILTINHO”.

Desde adolescente o seu talento dentro dos gramados chamava atenção dos desportistas e técnicos de futebol. Mas foi em 1986, com a camisa azul e branca do Nacional Atlético Clube, da cidade portuária de Cabedelo, que a sua carreira profissional se iniciou.

Miltinho, que era um jogador versátil, com total domínio da bola e ampla visão de campo, jogou em várias equipes do nosso estado e do nordeste brasileiro, sempre sendo destaque e dando grandes alegrias ao torcedor. Era um meia habilidoso que armava, tanto pela esquerda como pela direita, atacava e fazia bonitos gols. Aliás, fantásticos gols, conforme reconhecimento do departamento esportivo da Rede Globo.

Ele teve excelente passagem com as camisas do Santos Futebol Clube, do saudoso Tereré, do tricolor Santa Cruz Recreativo Esporte Clube, do município canavieiro de Santa Rita, do Nacional Atlético Clube, da progressista cidade de Patos, Auto Esporte Clube e Botafogo Futebol Clube, ambos de João Pessoa e no Treze Futebol Clube e Campinense Clube, os maiorais da cidade que possui o maior festejo junino do mundo.

O atleta também teve o privilégio de ser convocado para integrar a seleção paraibana de juvenis e de profissionais, jogando ao lado de promessas e de jogadores já experientes e rodados em vários clubes da região.

No estado nordestino de Alagoas, Miltinho até hoje é lembrado pelo torcedor alagoano e pela crônica especializada por sua passagem por quatro equipes: Clube de Regatas Brasil – CRB, Clube Esportivo Linense, Agremiação Sportiva Arapiraquense – ASA, e o Clube Sociedade Esportiva – CSE.

O que o torcedor paraibano nunca esqueceu sobre a carreira de Miltinho, foram os belíssimos e decisivos gols marcados por ele. É, torcida paraibana, Miltinho foi escolhido como o autor do “gol mais bonito do fantástico”, da Rede Globo, por quatro vezes, duas na Paraíba e duas em Alagoas, tudo isso na saudosa década de 90.

Nas duas primeiras vezes, ele vestia a camisa alvirrubra do Auto Esporte Clube, e marcou um belíssimo gol em desfavor do Botafogo Futebol Clube, no Almeidão, e o outro em desfavor do Treze Futebol Clube, desta vez dentro do Amigão. Em ambos os feitos ele esbanjou toda a categoria que desenvolvia dentro das quatro linhas.

Como se não bastassem esses dois reconhecimentos acima citados, quando Miltinho jogava em Alagoas, em 1991, ele foi mais duas vezes o escolhido como autor do gol mais bonito da rodada, pela Rede Globo. Um em desfavor do CSA – Centro Sportivo Alagoano, e outro em desfavor do CSE – Clube Sociedade Esportiva, em ambas as partidas ele vestia o manto do CRB – Clube de Regatas Brasil.

Outra passagem bonita na carreira do nosso homenageado da semana, foi o amistoso internacional realizado no Almeidão, também no início da década de 90, quando o nosso Botafogo Futebol Clube enfrentou a equipe suíça do FOOTBALL CLUBE SION. Esta partida foi bastante prestigiada e terminou empatada em um a um, sendo o gol da equipe paraibana marcado por “MILTINHO”.

Quando foi no ano de 1995, vestindo o manto rubro-negro do Campinense Clube, Miltinho resolveu pendurar as suas famosas chuteiras, despedindo-se dos gramados e das palmas dos torcedores que tiveram o prazer de vê-lo dentro das quatro linhas. Hoje, o nosso homenageado é educador lotado na Prefeitura Municipal de João Pessoa e treinador da Associação de Pessoal da Caixa Econômica Federal.

Para nós torcedores, cronistas e desportistas paraibanos ficou a certeza de que o cidadão MILTON RAFAEL ARCANJO, o popular “MILTINHO”, escreveu o seu nome com tintas douradas e perpétuas na brilhante história do futebol paraibano.

_________________________________________

Por SERPA DI LORENZO

Colunista, cronista esportivo, delegado da Polícia Civil/PB e ex-auditor do TJDF-PB

Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.